Ministro do STF, Barroso, suspende piso salarial da enfermagem um dia antes de pagamento.



    O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, decidiu neste domingo suspender o piso salarial da enfermagem, aprovado pelo Congresso Nacional e sancionado no mês passado pelo presidente Jair Bolsonaro.

    PAGAMENTO DO PISO SALARIAL DA ENFERMAGEM

    A norma institui piso salarial de 4.750 reais para os enfermeiros; 70% desse valor aos técnicos de enfermagem; e 50% aos auxiliares de enfermagem e parteiras. Pelo texto, o piso nacional vale para contratados sob o regime da CLT e para servidores das três esferas – União, Estados e Municípios -, inclusive autarquias e fundações.

    O presidente da Republica, Jair Bolsonaro (PL), usou sua conta no Twitter para dizer que respeita as decisões judiciais, mas não concorda com a suspensão no piso salarial dos enfermeiros.

    “São profissionais que têm direito ao piso e podem contar comigo para continuarmos na luta pela manutenção do que foi decidido no plenário da Câmara dos Deputados e sancionada por mim.”, afirmou em uma postagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar este blog

Jurídico de Raquel Lyra vai à Polícia Federal e Procuradoria Eleitoral para garantir atuação da PF nas eleições.

       A coordenação jurídica da Coligação Pernambuco Quer Mudar (Federação PSDB -Cidadania e PRTB) denunciou à Polícia Federal e à Procurad...